Mais financiamento para o Serviço Nacional de Saúde (SNS) e melhores condições e salários para os profissionais de saúde é o que defende o vice-presidente da bancada do PSD e ex-secretário de Estado da Saúde, Adão Silva, em entrevista ao jornal Público e Rádio Renascença publicada esta quinta-feira.

Questionado sobre propostas concretas do PSD para fazer regressar médicos e enfermeiros e fixá-los no SNS, Adão Silva, que esta semana deu a cara pelo projeto de lei do PSD da revisão da lei de bases da Saúde, sugeriu mexer nos salários.

"A primeira questão é obviamente pagar melhor aos profissionais. Ninguém consegue ter profissionais motivados e atraídos para o SNS se não se pagar melhor", disse, recusando contudo que estivesse a fazer uma promessa eleitoral de que, se o PSD fosse governo, aumentaria os salários no setor.

"O que estou a dizer é muito simples, a base do SNS são os profissionais e profissionais pouco motivados, com salários e carreiras paradas, não são obviamente profissionais que respondam bem", acrescentou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.