Em comunicado, o Comando Territorial de Beja da GNR explicou que a ação decorreu na segunda—feira, após uma denúncia de “ocupação ilícita de um terreno” na localidade de Sabóia, no interior do concelho de Odemira, onde estaria a decorrer um “evento não autorizado”.

“Os militares da Guarda iniciaram diligências policiais que permitiram confirmar a ocupação do terreno para a realização de uma festa ‘rave’”, disse a força de segurança.

Segundo a GNR, foi desencadeada “uma ação policial ao evento não autorizado”, o qual contava com a presença de “120 participantes” encontrando-se “65 viaturas” no local.

A ação policial culminou com a detenção de uma mulher, de 23 anos, por tráfico de droga, que foi constituída arguida, tendo os factos sido remetidos ao Tribunal Judicial de Odemira.

Foi também identificado um homem, de 28 anos, pela organização do evento não autorizado e por falta de direitos de autor e direitos conexos.

Os militares identificaram ainda 120 pessoas, entre os 20 e os 50 anos, por ocupação indevida do local, elaboraram cinco autos por consumo de droga e 38 autos de contraordenação por incumprimento de licenciamento para caravanismo.

A ação contou com o reforço do Destacamento de Intervenção (DI) de Faro, do Grupo de Intervenção de Ordem Pública (GIOP) da Unidade de Intervenção (UI) e dos Destacamentos Territoriais de Aljustrel, Almodôvar, Beja e Moura.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.