5 de fevereiro de 2013 – 10h11
O responsável pelo estudo da Gulbenkian sobre a reforma do Estado, Nigel Crisp, preside hoje em Lisboa a um debate sobre novos modelos de prestação de cuidados de saúde, no qual participa o ministro da Saúde, Paulo Macedo.
Denominado “Saúde em Portugal: Desafios para o futuro”, o debate decorre na Fundação Calouste Gulbenkian e vai ser conduzido por uma comissão e quatro grupos de trabalho compostos por personalidades nacionais e estrangeiras.
De acordo com a Fundação Calouste Gulbenkian, o encontro visa “procurar uma nova visão para os modelos de prestação dos cuidados de saúde que satisfaçam as necessidades dos cidadãos, obedeçam aos valores de igualdade e solidariedade e possam ser sustentáveis e, bem assim, duradouros”.
No debate, em que participa o ministro da Saúde, Paulo Macedo, estarão em discussão, entre outros temas, as alterações de perfil demográfico da população, a prevalência das patologias crónicas, a complexidade da organização dos cuidados a prestar às populações, a responsabilidade dos cidadãos na gestão da sua saúde, e o benefício das novas tecnologias.
Além de Paulo Macedo, participam Artur Santos Silva, presidente do conselho administração Gulbenkian e João Lobo Antunes, presidente do Instituto Medicina Molecular da Faculdade Medicina Universidade de Lisboa.
Lusa

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.