Dos 97.315 realizados, 352 foram positivos, aumentando para 285.768 o número de infetados desde o início da pandemia.

O número de mortes é o mais baixo desde meados de março, embora aos fins de semana e às segundas-feiras esse valor seja geralmente menor devido a atrasos administrativos.

Inglaterra entrou este sábado na terceira fase do plano de desconfinamento, com a reabertura de bares, restaurantes, hotéis, cabeleireiros e outros negócios pela primeira vez depois de mais de três meses fechados.

Devido à autonomia em termos de saúde, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte têm planos diferentes, com o levantamento de restrições mais rápido ou mais lento, dependendo das circunstâncias.

Imagens de multidões de pessoas a beber em locais públicos na Inglaterra criaram polémica e a perceção de que, em alguns casos, as regras da distância social não foram respeitadas.

Porém, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, disse hoje, durante “, disse Johnson a jornalistas durante uma visita a Yorkshire (norte da Inglaterra) que a maioria “esmagadora” das pessoas agiu com responsabilidade.

“É verdade que houve alguns lugares onde as pessoas foram imprudentes e algumas pessoas foram vistas a fazer coisas erradas. Mas, para ser honesto, esmagadoramente acho que os cidadãos deste país geralmente fizeram a coisa certa neste fim de semana”, afirmou.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 534 mil mortos e infetou mais de 11,47 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.