Mais de 73.462.340 casos de infeção com o novo coronavírus (SARS-Cov-2) foram diagnosticados oficialmente no mesmo período no mundo, dos quais pelo menos 47.202.800 são pessoas já consideradas como recuperadas e curadas, de acordo com os dados reunidos pela agência francesa.

Nas últimas 24 horas, registaram-se mais 13.816 mortes e 709.087 novos casos da doença covid-19 em todo o mundo, segundo a AFP.

A agência noticiosa francesa sublinha que o número de casos diagnosticados só reflete, contudo, uma fração do número real de infeções.

Alguns países só testam os casos graves, outros utilizam os testes sobretudo para rastreamento e muitos países pobres dispõem de limitadas capacidades de despistagem.

Os países que registaram mais mortes nas últimas 24 horas foram, e de acordo com os respetivos balanços, os Estados Unidos da América (EUA) com 2.813 óbitos, o Brasil (964) e a Alemanha (952).

Os Estados Unidos continuam a ser o país mais afetado a nível global, tanto em número de mortos como de casos, com um total de 303.867 mortes entre 16.725.039 casos recenseados, segundo o balanço da universidade norte-americana Johns Hopkins.

No mesmo país, pelo menos 6.298.082 pessoas foram declaradas como recuperadas e curadas da doença.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil com 182.799 mortos em 6.970.034 casos, a Índia com 144.096 mortos (9.932.547 casos), o México com 115.099 mortos (1.267.202 casos) e a Itália com 65.857 mortos (1.870.576 casos).

Ainda entre os países mais afetados, a Bélgica é o que conta com mais mortos em relação à sua população, com 157 óbitos por cada 100.000 habitantes, seguido pelo Peru (112), Itália (109), Bósnia (105) e Macedónia do Norte (104).

Os dados relativos à China continental, onde o novo coronavírus foi detetado no final de dezembro de 2019, não constam no balanço de hoje da AFP.

Por regiões, a Europa totalizava até hoje (às 12:00 hora de Lisboa) 493.165 mortes em 22.744.336 casos de infeção, a América Latina e as Caraíbas 475.226 mortes (14.187.130 casos), os Estados Unidos e o Canadá 317.487 mortes (17.198.195 casos), a Ásia 207.297 mortes (13.206.184 casos), o Médio Oriente 85.505 mortes (3.685.789 casos), a África 57.064 mortes (2.410.124 casos) e a Oceânia 943 mortes (30.591 casos).

Este balanço foi realizado a partir de dados recolhidos pelas delegações da AFP junto das autoridades nacionais competentes e de informações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Devido a correções feitas pelas autoridades ou a notificações tardias, o aumento dos números diários pode não corresponder exatamente aos dados publicados no dia anterior, segundo referiu a AFP.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.