A ventilação mecânica faz-se através de aparelhos/ventiladores que, intermitentemente, insuflam as vias respiratórias com volumes de ar (chamado de volume corrente).

Atualmente, classifica-se o suporte ventilatório/ventilação mecânica (método de suporte para tratamento de doentes com insuficiência respiratória) em dois grandes grupos:

- Ventilação mecânica invasiva e ventilação não invasiva.

Nos dois casos, a ventilação é artificial e conseguida através de aplicação de pressão positiva nas vias aéreas. A diferença entre elas reside na forma de libertação de pressão:

- na ventilação mecânica invasiva é colocada uma prótese/tubo na via aérea inferior (tubo orotraqueal, por exemplo);

- na ventilação não invasiva usa-se uma máscara como interface entre o doente e o ventilador artificial.

Este artigo teve o apoio científico da médica Fátima Morais, radiologista diferenciada em Tórax.

O vídeo apresentado é um produto da agência de notícias France-Presse e está legendado em português do Brasil.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.