De acordo com o deputado bloquista Moisés Ferreira, a ida do ministro da Saúde ao parlamento tinha sido solicitada pelo BE e pelo PCP, através de dois requerimentos que foram aprovados por unanimidade.

A data da audição de Adalberto Campos Fernandes terá ainda de ser acordada, embora deva acontecer na primeira semana de outubro, segundo o mesmo deputado.

Em causa está a situação dos profissionais de enfermagem, os quais realizaram nas últimas semanas vários protestos, incluindo uma greve de cinco dias que culminou com uma manifestação, sexta-feira, onde participaram milhares de enfermeiros.

Outra greve está marcada pelo Sindicato dos Enfermeiros Portugueses para 03,04 e 05 de outubro.

Veja ainda: As fotos dos enfermeiros em protesto de Norte a Sul

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.