Portugal concorre com Itália, Eslovénia, Chipre, Roménia, Malta, Montenegro e Croácia, para encontrar o melhor profissional de cozinha que representará a região no Congresso Internacional da WACS (World Associations of Chefs’ Societies). Este encontro terá lugar entre 24 e 28 de Janeiro de 2010, em Santiago de Chile.
Carlos Gonçalves, membro da equipa olímpica sénior e subchefe executivo do Grande Real Villa Itália Hotel & Spa, é o chef português que participa no concurso, assistido por Celso Padeiro, terceiro vencedor do Jovem Cozinheiro do ano 2008 e que trabalha actualmente no Grande Real Villa Itália Hotel & Spa, em Cascais.
É a primeira vez que Portugal se posiciona no centro de atenções mundial durante este concurso, reunindo chefs nacionais e internacionais que disputam o título do representante continental. O desafio decorre durante a Alimentaria, na FIL, Parque das Nações, no próximos dias 19 e 20 de Abril, sendo o grande vencedor anunciado num jantar de gala a 22 de Abril, em Cascais.
Cada Chef terá de criar um menu composto por quatro pratos para 12 pessoas (primeiro, segundo e terceiro prato e sobremesa). As receitas apenas serão conhecidas pelo júri um dia antes da semi-final e os ingredientes principais são os mesmos para todos: coroa de frango para o primeiro prato, um queijo duro e ovos para o segundo prato que é obrigatoriamente ovo-lacto vegetariano, e um robalo de 4kg para o terceiro prato. O quarto prato é a sobremesa, na qual podem utilizar chocolate e/ou mel.
A Alimentaria disponibiliza para esta competição um espaço totalmente equipado com módulos de cozinhas, palco e auditório e uma capacidade de assistência para mais de 200 congressistas, entre os quais chefs, cozinheiros, sommeliers, enólogos, críticos gastronómicos, etc. que irão assistir ao concurso.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.