Jeny Sulemange é o rosto por trás do restaurante Cantinho do Aziz, em Lisboa e a autora, a par com o seu marido, Khalid Aziz, coproprietário do estabelecimento, de um livro que revela os segredos deste recanto da Mouraria.

Em “Cozinha Moçambicana (edição ArtePlural) não é só a comida deste país em destaque. Há também uma viagem aos sabores de outras paragens da cozinha africana. Bagias, doce de mandioca com coco, chamuças de carne, caril de caranguejo, miamba macua, água e sal de peixe, shima de milho e caracata são algumas das receitas que chegam às páginas do livro, a partir da cozinha de um dos restaurantes mais em voga na capital.

A propósito do Cantinho do Aziz escreveu a publicação norte-americana Food&Wine: “A chef Jeny Sulemange prepara um frango de coco grelhado, crocante por fora e tenro por dentro, que serve com um arroz de coco viciante, verdadeiramente viciante”.

Sobre si, diz-nos a autora: "Mudei-me para Portugal já adulta, mas a paixão pela cozinha sempre me acompanhou. Quando conheci o meu marido, o Aziz, essa paixão veio ao de cima, pois ele adora comer. Era magro, quando o conheci; hoje… bem, hoje tem uns quilinhos a mais, e diz que a culpa é minha. A mãe do Aziz é a dona Farida, ou melhor, a ´Chef Mãe Farida`, a pioneira da cozinha moçambicana em Lisboa. Ela e o marido foram os fundadores do famosíssimo restaurante Cantinho do Aziz, na Mouraria. Aprendi imenso com ela; aprendi outras maneiras de cozinhar e de recriar pratos da nossa terra, e via-a muitas vezes a lidar com a pressão de servir e bem servir os clientes do restaurante".

Continua Jeny Sulemange: "Nessa altura, nunca me imaginei no lugar dela. As primeiras experiências foram nos festivais dos moçambicanos: o restaurante estava sempre presente nesses festivais, que aconteciam uma vez por ano, no verão, e, como a ´Chef Mãe Farida` ficava no restaurante, alguém tinha de ser a chef durante o festival – e essa tarefa cabia-me a mim. A experiência da pressão de ter de servir muitas pessoas ao mesmo tempo foi surreal – e desgastante! –, mas no final valeu a pena. Só de olhar para as pessoas a comer e a abanar a cabeça de satisfação enquanto comem uma coisa cozinhada por nós… é algo que só os chefs conseguem descrever, é único".

O lançamento do livro, acompanhado de showcooking, terá lugar no dia 16 de junho, às 16h00, no Espaço Showcooking, da APEL, na Feira do Livro de Lisboa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.