Embora não se conheça a autoria, soa-nos como música aos ouvidos a expressão “café é sempre uma boa ideia”. Companhia para despertar manhãs, energizar finais de refeições e argumento para partilhas, o café traz consigo a possibilidade de infinitas experiências. Tantas quantas encerra a natureza do grão, a sua origem em diferentes geografias, perfis de café com base no método de produção, de torrefação, moagem e naturalmente, a forma como é preparado.

Sem desmerecer o sempre presente café expresso, tão veloz na extração e consumo quanto o nosso quotidiano, chega o momento em que abrandamos o ritmo. O dia desacelera, pausamos e com tempo, podemos olhar e sentir o café numa outra dimensão. A bebida que encanta a humanidade há séculos, retoma no presente às suas origens, com a pureza de preparação de um café artesanal.

Ao invés do café que pede agitação, a sua versão artesanal, apela a um ritual doméstico, que faz de todos nós artífices na descoberta da arte e segredo do Barista, o profissional especializado na tira do café de alta qualidade.

Café com sustentabilidade

O café SICAL faz parte de um projeto de criação de valor para o Planeta, comunidades e agricultores, com melhoria de processos, nomeadamente a sustentabilidade, com preservação da paisagem e biodiversidade dos locais onde o café é produzido. Para SICAL a qualidade e respeito pela produção do café são fatores cruciais, por isso promovemos um cultivo responsável e sustentável, seguindo boas praticas na produção de café.

Métodos de preparação que pedem carinho, com recurso a equipamentos como o balão, a prensa francesa, a chemex, a máquina de filtro, a máquina expresso e o moinho. Equipamentos que são um convite à descoberta e que, com as dicas certas, como veremos abaixo, tornam-se aliados na experiência da toma do café.

Métodos de extração que trazem para o conforto das nossas casas, uma das tendências que anima o mundo dos apreciadores de café, o das Coffee Shops, casas especializadas na extração dos melhores aromas e sabores do grão.

Café artesanal é a arte e o segredo do Barista. Os ingredientes são essenciais na preparação, começando por um café de grande qualidade, conjugado com uma água cujo PH deve situar-se entre os 6,5 e os 7,5. Para cada método de preparação recomenda-se o uso de um rácio de 1,5 (20 gramas de Café para 30 cl de água). Os métodos são variados e para cada um deles tem de se adequar a moagem respetiva. Para cafés artesanais deverá ser utilizada uma moagem grossa ou moagem universal de forma a tirar partido de toda a experiência organolética entre os Aromas e os Sabores.

O resultado? Um café rico em compostos aromáticos e de sabor que convivem de forma complexa na água.

Um caminho para a origem que nos é facilitado com as “Experiências de café by SICAL” para acompanhar aqui. Passo a passo, encontra seis propostas de preparação de café artesanal. Faça-o com café que permite diferentes perfis de sabor, com origens diversas, desde Robustas africanos aos Arábicas do Brasil, com passagem por cafés hondurenhos e vietnamitas.

Independentemente do caminho que seguir; pause, desacelere e mime os seus sentidos sem esquecer que “café é sempre uma boa ideia”.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.