“Hara hachi bu”, este é o mantra de Confúcio com mais de 2500 anos, proferido antes das refeições no arquipélago de Okinawa, no sul do Japão. Este recorda aos nipónicos um princípio de vida, pararem de comer quando 80% do seu estômago estiver cheio. Os 20% que vão do momento em que já não temos fome, até àquele em que estamos completamente cheios podem fazer a diferença entre perder ou ganhar peso.

Clicando nas imagens abaixo ficará a saber quais as oito estratégias para comer menos.

 

Num mundo rendido à abundância alimentar, parece-nos distante o mantra do mestre confucionista. Vivemos numa sociedade industrial e comercial e onde comer é mais do que o ato de ingestão de alimento, é também um comportamento induzido pelo marketing e vendas.

Comemos muito e, muitas vezes com má qualidade nutricional. A mesa tornou-se o campo sagrado para todos estes excessos e esquecemo-nos que, por exemplo, uma boa e nutritiva sopa, com o seu poder saciante é um inestimável recurso para reduzirmos a quantidade de alimento ingerido.

Desta forma, sem ser ciência, antes senso comum e observação, deixamos aqui oito dicas que o ajudarão a criar estratégias para reduzir nas quantidades de alimento que disponibiliza a cada refeição. Não falta, naturalmente, a velhinha e sensata sopa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.