A disputa é a forma mais comum dos irmãos mostrarem a rivalidade entre eles. Eles disputam a atenção dos pais, os brinquedos, a fatia maior do bolo, quem usa mais tempo o computador, quem tem razão, quem é mais inteligente, e por aí fora, uma lista sem fim... As disputas geralmente acabam em discussões ou mesmo em pancada.

Esta rivalidade pode ser motivada por sentimentos de ciúme ou inveja. Se não for combatida o mais rápido possível, poderá trazer sérios problemas de relacionamento inter-pessoal futuro ou psicológicos, como apatia, egocentrismo e baixa auto-estima.

Como pais, precisam de estar atentos a estes comportamentos de rivalidade entre os seus filhos e tentar controlá-los. Então nós damos-lhe 10 boas dicas para o fazer:

1. Tratem cada filho como único - Identifiquem os seus gosto, qualidades e talentos. Pensem neles individualmente quando forem fazer qualquer atividade em família, como preparar uma refeição, organizar a atividade ou comprar as suas roupas. Eles vão sentir-se especiais.

2. Incentivem-nos a brincar, fazer projetos e outras actividades em conjunto - Eles vão aprender a dar valor um ao outro enquanto fazem essas atividades juntos, vão acabar por se conhecer melhor e a importarem-se um com o outro.

3. Reservem tempo para cada filho - O tempo é o recurso mais escasso nos dias de hoje, os seus filhos saberão o quanto vocês os amam se saírem com eles individualmente ou lhes derem um pouco do vosso tempo. Façam-no regularmente.

4. Julguem com sabedoria - Quando surgirem conflitos incentivem-nos a resolver os problemas e entre si e ajudem-nos nisso. Isso também os ajudará a tornarem-se autónomos. Mas por outro lado não ignorem situações em que um deles possa estar a cometer injustiças contra o outro.

5. Ensinem o sentimento de arrependimento e de perdão - Incentivem os seus filhos a pedirem desculpa quando cometem erros e injustiças. Incentivem a abraçar-se pois isso é essencial na criação de um vinculo afectivo entre irmãos.

6. Dêem amor, carinho, atenção e elogios a todos de forma igual - Às vezes como pais, acabamos por direcionar elogios ou dar mais carinho e atenção a uns do que a outros e não nos apercebemos, mas eles sim, eles apercebem-se e isso pode deixá-los aborrecido, com ciúmes e inveja. Tenham atenção e tentem elogiar todos de forma igual, isso é essencial, mesmo que um não esteja a ter tão bons resultados pelo menos elogie o seu esforço ou pontos positivos.

7. Usem o mesmo padrão para ensiná-los e corrigi-los -  Independentemente do que se passe, quando algum comete um erro repreenda-os ou castigue-os da mesma forma, isso será justo.

8. Distribuam tarefas de forma igual - Caso sejam de idades muito diferentes mas mesmo assim exista rivalidade, tentem fazer o mais velho perceber que o mais novo não pode executar certas tarefas ainda.

9. Criem tradições familiares - Podem ser passeios, viagens, festas de família ou mesmo simples actividades regulares que façam em conjunto, como jogar a um jogo ou preparar uma refeição em conjunto. Isso fará com que se sintam mais próximos e exista sempre algo para fazerem em conjunto.

10. Resolvam imediatamente os problemas - Qualquer tipo de conflito deve ser resolvido logo, não deixe para depois. Uma pessoa pode viver muitos anos com uma mágoa que poderia ter sido resolvida com uma simples conversa.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.