É normal que os casais que querem engravidar não estejam dispostos a esperar vários meses até conseguirem. E por norma não ficam preocupados durante dois ou três meses, mas conforme o tempo passa e esse objetivo não é atingido começam a surgir diversas inseguranças. O casal começa a ficar muito ansioso o que ainda prejudica mais. Não tenha receio e em caso de ansiedade prolongada consulte o seu médico.
Se tem tentado engravidar num espaço de um ano sem sucesso (ou seis meses no caso de ter mais de 35 anos), talvez exista algum problema em si ou no seu parceiro e o melhor será procurar o seu ginecologista. Saiba que a questão da idade é muito importante pois está comprovado que afeta diretamente a fertilidade. Se tem mais de 35 anos não perca mais tempo se o seu desejo é ter um filho. Para um casal que deseja engravidar, cada ciclo de menstruação passa a ser uma decepção e o sonho de algum dia ter filhos parece estar cada vez mais distante. Mas não desespere! Descubra o porquê de isso estar a acontecer e tente encontrar uma forma de contornar este problema.
O estilo de vida que tem levado até agora pode estar a diminuir a sua fertilidade, por isso descubra connosco os piores inimigos de uma gravidez feliz.

Consumir álcool - O consumo excessivo de bebidas alcoólicas pode afetar a fertilidade tanto feminina como masculina. Os médicos recomendam o consumo máximo de 1 a 2 unidade por dia para as mulheres e 3 a 4 unidades por dia para os homens, quer esteja a tentar ou não engravidar. A redução da quantidade de álcool ingerida pode ajudá-la a engravidar.

Tabaco - Os homens que fumam podem passar a ter um número superior de espermatozóides anormais. Já nas mulheres pode chegar a afetar a fertilidade e antecipar a menopausa. Aumentando também o risco de aborto ou mesmo fazer com que entre em trabalho de parto mais cedo que o previsto. Fumar faz muito mal à saúde do feto e o melhor é deixar este vício antes de tentar engravidar. Isto para si como para o seu parceiro, se pretendem engravidar o melhor será pararem de fumar.

Drogas recreativas - Infelizmente hoje em dia existe uma grande oferta de drogas ilegais, o que torna possível que qualquer pessoa consiga adquiri-las facilmente. Mas saiba que o facto de consumir qualquer tipo de droga vai prejudicar e muito o seu feto, aliás esse facto vai afetar a sua fertilidade e o melhor é se consome algum tipo de droga, deixe antes de fazer qualquer tipo de tentativa em engravidar.

Peso - Ter peso a mais ou a menos pode alterar o seu ciclo menstrual e reduzir as suas hipóteses de engravidar. Os homens com excesso de peso têm tendência a ter um número inferior de espermatozóides com qualidade. Consulte o seu médico para saber qual o peso a ganhar ou a perder, caso seja necessário.

Medicação - Se estiver a tomar algum tipo de medicação ou mesmo o seu parceiro, informe-se com o seu médico se esse medicamente não reduz a fertilidade. Podem existir diversas alternativas a esse medicamento.

Idade - Cada mulher nasce com um x número de óvulos para toda a vida, mas o número vai reduzindo ao longo dos anos. Se tiver mais de 35 anos, consulte o seu médico se durante 6 meses tentou engravidar, mas não conseguiu. Se a sua idade for igual ou superior a 40 anos antes de tentar engravidar fale com o seu médico para a aconselhar da melhor forma. Embora não existam estudos concluídos sabe-se que a fertilidade nos homens também diminui a partir dos 40 anos.

Infertilidade sem explicação - Quando os exames e as análises clínicas indicam valores normais, mas mesmo assim o casal não consegue engravidar, acaba por ser bastante frustrante e angustiante porque não existe nada que possa ser retirado ou tratado. Mas, embora pareça não haver solução os estudos revelam que um terço dos casais com infertilidade, engravidam naturalmente no espaço de três anos sem qualquer intervenção médica.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.