Os açúcares são os principais responsáveis pelo desenvolvimento de cáries, sendo que não só importa a quantidade ingerida, mas também a frequência de consumo e consistência do alimento. Neste sentido, a saúde oral dos mais pequenos não é exceção e importa estabelecer hábitos saudáveis desde cedo.

“As crianças irão sempre querer comer alimentos açucarados, faz parte de serem crianças. Contudo, importa que exista moderação e que se tenham alguns cuidados após a ingestão dos mesmos. A altura ideal para comer os chamados doces e guloseimas é no final das principais refeições, pois já houve ingestão de outros alimentos e a redução do pH da boca", afirma Filipa Maria Roque, médica dentista na MALO CLINIC Lisboa.

Sempre que são ingeridos alimentos açucarados deve escovar-se os dentes e utilizar fio dentário. Além disso, manter uma boa higiene oral e ir regularmente ao dentista são também essenciais para prevenir eventuais problemas na saúde oral das crianças”, afirma Filipa Maria Roque, médica dentista na MALO CLINIC Lisboa.

Filipa Maria Roque, médica dentista na MALO CLINIC Lisboa
Filipa Maria Roque, médica dentista na MALO CLINIC Lisboa

Neste sentido, a médica dentista indica cinco alimentos que podem ser prejudiciais para a saúde oral dos mais pequenos:

Doces – Os chamados doces, como chocolates, gomas ou pastilhas, são alimentos ricos em açúcar. Como tal, vão levar a um maior desenvolvimento de bactérias na boca e consequentemente de cáries. Além do açúcar que contêm, muitas vezes este tipo de alimentos têm uma consistência difícil de eliminar e por isso dificultam a higienização da boca.

Refrigerantes – Os refrigerantes à semelhança dos doces também têm uma composição rica em açúcar. Uma vez que além do açúcar também são gaseificadas, estas bebidas levam não só ao desenvolvimento de cáries, mas também à erosão e desgaste da estrutura dentária.

Papas – É comum que bebés ou crianças mais pequenas comam papas, mas é também importante que se compreenda que são alimentos açucarados: além do açúcar das frutas, muitas papas contêm outros adicionados. Mesmo que estejamos a falar de um bebé, as preocupações com a saúde oral devem começar desde cedo.

Fruta seca ou cristalizada – Apesar de serem fruta, estes tipos de frutas costumam ter grandes níveis de açúcar na sua cobertura. Ao serem ingeridos vão ter um efeito mais nocivo do que uma peça de fruta ao natural.

Bolos e bolachas – Geralmente este tipo de alimentos também tem níveis elevados de açúcar. Além disso, dependendo do tipo de bolacha e da sua consistência, podem ser mais difíceis de remover e mais prejudiciais para os dentes do que um chocolate simples.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.