O nascimento de um filho é acompanhado de muito amor e entusiasmo, mas também de várias dúvidas e questões. Há certas perguntas associadas à saúde dos mais novos que preocupam os pais de primeira viagem e cuja resposta não é imediata.

Nesse sentido, e no âmbito do Dia Mundial da Saúde, que se assinala a 7 de abril, a BabyLoop, marca de puericultura recondicionada e produtos ecológicos de Carolina Patrocínio, pretende apoiar os pais portugueses e esclarecer as suas dúvidas mais comuns sobre a saúde dos mais novos, com a ajuda da Dra. BabyLoop, a médica pediatra Dra. Marta Mesquita.

É normal ter obstrução nasal?

É muito frequente os bebés apresentarem obstrução nasal nos primeiros dias de vida ou até durante os primeiros meses. Habitualmente, não causa desconforto ao bebé, mas se houver algum incómodo na hora de dormir ou mamar, deve realizar-se a higiene nasal utilizando soro fisiológico antes de se alimentar, de dormir e sempre que achar necessário.

Deve haver alguma preocupação apenas se, associado à obstrução nasal, o bebé apresentar febre, irritabilidade ou dificuldades alimentares.

É normal bolçar?

Até ao amadurecimento do músculo que separa o esófago do estômago, que ocorre próximo dos quatro meses de idade, é frequente os bebés bolçarem após a mamada e, por vezes, até várias horas após a mamada. À medida que o bebé vai crescendo, os episódios vão-se tornando menos frequentes, mas caso o bebé tenha mais de 6 meses e continue a bolçar em grande quantidade, não aumente bem de peso ou apresente vómitos em jato, os pais devem procurar aconselhamento médico.

É normal ter queda de cabelo?

O cabelo do bebé cai com frequência nos primeiros meses de vida, muitas vezes de forma desigual, deixando zonas com menos cabelo, mas é normal e não significa que o bebé esteja doente. Mais tarde nascerá o verdadeiro cabelo do bebé.

É normal ter os pés tortos?

Alguns bebés nascem com o bordo interno do pé virado para dentro, resultante da sua posição in-útero. Habitualmente, esta é uma posição flexível em que o pé não apresenta qualquer limitação da mobilidade das articulações ou do desenvolvimento dos músculos, pelo que tende a evoluir de forma benigna, resolvendo-se até ao primeiro ano de idade.

É normal babar-se muito?

Entre o segundo e terceiro meses de vida ocorre o amadurecimento das glândulas salivares e verifica-se um aumento da produção de saliva. Uma vez que os bebés ainda não apresentam coordenação para deglutir grandes quantidades de saliva, acabam por se babar muito.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.