No passado dia 19 de maio todas as atenções estiveram direcionadas para Meghan Markle. Sem dúvida que um dos momentos em que a agora duquesa de Sussex mais deslumbrou foi na saída do Castelo de Windsor, já depois da cerimónia. Para a ocasião, a mulher de Harry escolheu um vestido de braços descobertos da Stella McCartney com uma gola mais elevada que lhe assentava na perfeição.

Numa entrevista à revista Elle – edição britânica – a estilista disse por que a duquesa a escolheu para esse momento tão especial: “Acho que a Megham me elegeu por outras razões que vão muito além de um vestido bonito, não é difícil conseguir que ela fique bela. A Amal Clooney também me pediu para fazer o seu vestido. O seu vestido, por exemplo, era feito de uma viscose sustentável, que demorei três anos para fazer”, revela.

“Obviamente sou uma estilista britânica, mas também sou uma mulher de mulheres e julgo esse um papel importante” afirmou Stella McCartney, filha do ex-Beatle Paul MacCartney, defensora de causas feministas e protetora dos direitos dos animais na indústria da moda.

Assim, a imagem que Meghan passou com o vestido acabou por ser uma declaração feminista e de defesa ambiental.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.