Robert De Niro voltou a fazer ouvir as suas críticas contra Donald Trump. Indignado com as políticas do Presidente dos Estados Unidos da América, o ator disse em entrevista ao The Guardian que “mal pode esperar” para vê-lo preso.

“Temos um problema real e imediato, pois temos um presidente gangster que acha que pode fazer o que quiser… o problema é que, se ele realmente se safar, o problema passa a ser nosso”, afirma.

Questionado sobre qual seria para si o melhor resultado do impeachment, De Niro disse: “Ah, mal posso esperar para vê-lo na prisão. Não quero que ele morra, quero que ele seja preso”.

O tema voltou a ser abordado num episódio recente do The Graham Norton Sho , que deve ser transmitido esta sexta-feira. E, mais uma vez, o ator deixou clara a sua polémica opinião. “Hoje, temos um presidente estranho e distorcido que pensa que é um gangster, que nem sequer é um gangster muito bom... Os gangsteres têm honra, apertas-lhes a mão e eles têm palavra. Mas com este homem, não é o caso”, cita a publicação.

Leia Também: Trump diz sentir "clima mais caloroso" nas negociações com China

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.