No início dos anos 2000, há mais de 20 anos, Robbie Williams e Geri Halliwell tiveram uma relação fugaz, que nunca se soube ao certo o motivo pela qual terminou. Até agora.

O documentário sobre a vida do artista estará disponível na Netflix a partir desta quarta-feira, dia 8 de novembro, e falará sobre diversos momentos da sua vida, incluindo o namoro com a ex-integrante das Spice Girls.

No entanto, naquela altura os dois estavam a iniciar novos momentos nas suas carreiras: Geri tinha deixado as Spice Girls e Robbie os Take That. Além disso, o artista nunca escondeu os problemas a respeito de algumas adições que teve, nomeadamente com o álcool, contra as quais lutava nessa altura, e que tornou mais difícil iniciar uma relação, dado o momento frágil que atravessava.

Mais ainda, confessou, pela grande fama que os dois tinham, era frequente serem fotografados por paparazzi. O casal namorou por algumas semanas e foram 'apanhados' durante umas férias no sul de França, para onde tinham viajado com o compositor que trabalhou com Robbie Williams, Guy Chambers, e a sua mulher, Emma.

Embora cantor assegure que aquele foi um momento muito feliz para ele, a sua falta de confiança acabou por ditar o fim da relação. "Dávamo-nos muito bem, era divertido", diz o artista sobre aquela época. No entanto, os rumores começaram e foi levantada a suspeita de ser a própria Geri quem alertava os paparazzi para tirarem fotografias deles, especulações que um dos fotógrafos certa vez confirmou ao artista e na qual este escolheu acreditar.

Hoje em dia, garante, os dois mantêm uma boa relação de amizade.

Leia Também: Robbie Williams revela que perdeu mais de 10kg com medicação

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.