Rihanna é conhecida pela sua segurança inspiradora, no entanto, mostrou o seu lado mais vulnerável quando falou da relação com Chris Brown numa entrevista à Vanity Fair.

Brown foi declarado culpado de um assalto em 2009 e depois foi acusado de bater na Rihanna, antes de se separarem.

"Talvez eu seja daquelas pessoas que são 'construídas' para lidar com as coisas más. Talvez eu seja o anjo da guarda de alguém, para estar lá quando eles não são fortes o suficiente, quando eles só precisam de alguém para encorajar e dizer a coisa certa", disse Rihanna.

A cantora acrescentou ainda que achava que Chris ia mesmo mudar e que era "muito protectora2 em relação a ele.

Por mais que gostasse dele e quisesse o melhor para ele, chegou a um ponto em que a cantora teve que tomar a decisão da separação.

"Às vezes nós temos apenas que ir embora", concluiu.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.