Descontente com a popularidade de Kate Middleton, a rainha Isabel II decidiu meter a duquesa na ordem, recordando-lhe, ainda que de forma indirecta, que não passa de uma plebeia…

Esta é a interpretação que observadores britânicos fazem de um recente gesto legal da rainha, que decidiu modificar o documento que regula a Ordem de Precedência da Casa Real.

De acordo com as novas regras, sempre que não estiver acompanhada de William, seu marido, Kate terá de fazer reverência (imaginem!) às princesas Beatrice e Eugenie, filhas do duque de York, mundialmente famosas pelos excêntricos modelos que envergaram no casamento real.

“É uma humilhação total para Kate”, disse à revista “Life & Style” uma fonte próxima do círculo social da duquesa.

O príncipe William, segundo a mesma fonte, está “devastado e assustado” com a atitude da avó: “Ele testemunhou a dor e angústia enfrentadas por sua mãe, Diana, quando era maltratada pela família real, e não quer que a história se repita com a mulher”.

A par deste episódio, correm rumores de que a rainha teria pedido a William e Kate que adiassem planos de gravidez, para não ofuscarem o brilho do seu próprio Jubileu de Diamante.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.