Em 2000, lançou o seu álbum de estreia. "Whoa, Nelly!" vendeu mais de seis milhões de cópias. Muito aclamada internacionalmente, Nelly Furtado, cantora e compositora canadiana de ascendência portuguesa, continuou a somar êxitos. "Loose", o seu terceiro disco, produzido por Timbaland, lançado em junho de 2006, vendeu 12 milhões de cópias. Em 2010, saiu o primeiro disco de grandes êxitos da artista, depois de dois discos em espanhol, um de originais e um outro de remisturas.

Pouco depois, o sucesso era abalado pelo primeiro escândalo. O jornal The New York Times e a WikiLeaks revelam que Nelly Furtado terá aceite um milhão de dólares, cerca de 900.000 euros, para atuar para a família do ditador líbio Muammar Gaddafi. Em 2012, a artista lançou "The spirit indestructible", mas a silhueta já não era a mesma e o público não lhe perdoou. Parou com as digressões no ano seguinte em 2013. Para fugir à fama, foi trabalhar para uma pequena loja de discos.

Pouco tempo depois, acabava com as redes sociais. Ao contrário de Nelly Furtado, são muitas as celebridades que, apesar de não gostarem da fama, nunca desistiram a carreira, ainda que alguns tenham reduzido o número de convites que passaram a aceitar, como foi o caso de Daniel Day-Lewis. O ator inglês, um dos artistas que integram a galeria de imagens que se segue, largou tudo para ir trabalhar como sapateiro em Florença. Entre 1998 e 2017, participou apenas em seis filmes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.