Kylie Jenner foi uma das celebridades que mais deu nas vistas na passadeira vermelha da Met Gala, que se realizou na madrugada de terça-feira, ao a chegar ao evento vestida de noiva.

Depois de todo o burburinho que o look gerou, a empresária explicou a razão da sua escolha.

O modelito foi, na verdade, uma homenagem ao seu criador, Virgil Abloh, que morreu em novembro do ano passado.

"Eu e o Virgil éramos para ter ido juntos à Met gala antes de ser adiada em 2020. Para celebrar o V esta noite e o seu legado incrível que significa tanto para mim, estou emocionada por usar este vestido e honrar o meu talentoso amigo", explicou.

O criador da marca Off-White morreu em novembro de 2021, aos 41 anos, vítima de cancro.

Leia Também: Morreu o diretor criativo da Louis Vuitton, Virgil Abloh

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.