Depois de ter usado as suas redes sociais para revelar ter ficado verdadeiramente chocada com a morte George Floyd, um cidadão afro-americano que perdeu a vida às mãos da polícia, Kim Kardashian mostrou-se solidária com uma das jovens feridas durante nas manifestações contra o racismo que nos últimos dias têm decorrido nos Estados Unidos da América.

Chocada ao ver o estado em que ficou o rosto de uma manifestante atingida por uma bala de borracha, a socialite ofereceu-se para ser ela a pagar-lhe as suas despesas médicas.

"Isso é de partir o coração e tão perturbador. Alguém sabe como posso entrar em contato com ela? Eu adoraria ajudá-la com as suas despesas médicas, se ela precisar", anunciou a esposa de Kanye West na sua conta oficial de Instagram.

A jovem a que Kim se referia chama-se Shannyn e foi atingida durante um protesto que decorreu na cidade de Louisville, em Kentucky, no último domingo.

Leia Também: Filha de Iva Domingues em manifestações contra o racismo nos EUA

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.