Kanye West acredita que o facto de se ter candidatado às eleições presidenciais norte-americanas foi a "gota de água" no seu casamento com Kim Kardashian.

Esta sexta-feira, dia 19, a estrela do reality show 'Keeping Up with the Kardashians' entrou com o pedido de divórcio do rapper, após sete anos de casamento.

"Ele não está a pensar naquilo que poderia ter ou não feito. Está a processar as coisas", revelou uma fonte à revista People.

"Ele acha que a candidatura presidencial foi a gota de água. Antes disso, havia esperança. Depois perdeu-se completamente. Custou-lhe o casamento", nota o informante.

A publicação dá conta que os problemas mais sérios começaram no verão do ano passado quando Kanye revelou uma série de pormenores pessoais no Twitter. O pior foi quando falou de North West, a filha mais velha, algo considerado inadmissível pela socialite. Na altura, Kanye disse que ele e a mulher consideraram fazer um aborto quando Kim estava grávida da menina, em 2012.

Leia Também: É oficial! Kim Kardashian deu entrada com o processo de divórcio

Leia Também: Kanye West visto com aliança de casamento durante separação

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.