Joss Stone ficou de "coração partido" ao ter sido deportada do Irão, tal como revelou a própria.

“Chegamos ao Irão, fomos detidos e depois fomos deportados”, contou a cantora num vídeo partilhado nas últimas horas na sua página oficial de Instagram.

"Pessoalmente, não queria ir parar a uma prisão iraniana, nem estou a tentar mudar a política dos países que visito, nem desejo colocar outras pessoas em perigo”, esclareceu, explicando que o motivo da sua deportação esteve relacionado com o facto de as autoridades locais não terem acreditado que esta estava no local sem qualquer intenção de atuar ou fazer algum tipo de espetáculo musical - o que seria proibido no país uma vez que esta é uma mulher.

Ainda na mesma rede social, a artista de 32 anos mostrou que embarcou para a ilha Kish do Irão, no Golfo Pérsico, que é uma zona económica livre que permite viajantes de todas as nacionalidades.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.