Will e Jada Pinkett Smith não comemoram os aniversários de casamento. Foi em 1997, no dia 31 de dezembro, que o casal trocou as alianças. Uma data que vai ficar para sempre guardada na memória dos atores, mas que não é celebrada por ambos.

Passados 21 anos de terem subido ao altar, a atriz revelou o motivo que leva o casal a não festejar o aniversário de casamento.

“O que temos é mais uma parceria de vida, por isso esta parceria não está particularmente ligada àquela data. Não comemoro esse dia”, começou por explicar no recente episódio do programa Red Table Talk.

Aliás, Jada confessou que por vezes nem passa o dia 31 com o marido. Isto porque o ator “normalmente gosta de passar o Ano Novo a viajar”, enquanto que a mulher prefere ficar por casa. “Ele tem a liberdade de ir e viver uma aventura incrível”, acrescentou.

Apesar de ser uma pessoa muito feliz ao lado do companheiro, no dia do casamento, recorda, Jada “chorou” porque não se queria casar com Will. Segundo a artista, “nunca concordou” com a ideia de dar o nó e estava “muito chateada” por ter sido pressionada a trocar as alianças.

“Estava sob uma grande pressão por ser uma jovem atriz – jovem, grávida, não sabia o que fazer. Mas sabia que não me queria casar. O meu primeiro trimestre foi horrível. Estava tão chateada. Fui a chorar pelo corredor, chorei o caminho todo até ao altar”, recordou, referindo-se ao facto de estar grávida do primeiro filho, Jaden, que agora tem 20 anos.

Recorde-se que os atores são ainda pais de Willow, de 18 anos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.