Roger Alvarado, de 23 anos, homem que invadiu o apartamento de Taylor Swift, em Nova Iorque, foi condenado entre dois a quatro anos de prisão. De acordo com o Daily Mail, o jovem declarou-se culpado por violação da liberdade condicional

Em tribunal, o juiz alertou Roger que não devia ter "nenhum contacto com Taylor Swift", nada de chamadas, cartas ou vídeo.

De recordar que o 'stalker' foi preso no dia 7 de março depois de ter usado uma escada para subir até ao terraço da casa da cantora e partir uma porta de vidro. Esta foi a terceira vez que forçou a entrada na propriedade da artista e aconteceu pouco tempo depois de ter sido libertado da prisão por uma invasão anterior.

Alvarado foi acusado de perseguição, arrombamento e de ter violado uma ordem de restrição.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.