Grace Kelly tinha 26 anos e o Príncipe Rainier III 33 quando oficializaram a sua relação numa cerimónia civil privada que teve lugar na Sala do Trono, dentro do palácio do Mónaco. Estávamos no dia 18 de abril de 1956.

Nesta cerimónia civil, que durou apenas 16 minutos, Grace Kelly usou um vestido cor-de-rosa, todo em tafetá, com renda champanhe. Em seguida teve lugar uma gala em honra do casal onde estiveram presentes os cidadãos do Mónaco.

No dia seguinte, realizou-se a cerimónia religiosa na Saint Nicholas Cathedral. Foi considerado ‘O Casamento do Século', com cerca de 30 milhões de pessoas, em todo o mundo, a assistir ao enlace real transmitido pela MGM, em troca da rescisão do contrato com a futura princesa. Pensa-se que no mês do casamento real 1500 jornalistas viajaram até ao Mónaco para cobrir o evento.

No casamento religioso estiveram presentes cerca de 600 convidados, entre eles muitas estrelas de cinema como era o caso de Cary Grant ou Ava Gardner.

Grace Kelly viajou da América para o Mónaco a 4 de abril. A viagem de barco demorou 8 dias e contou com a presença da sua família, as seis damas de honor e alguns jornalistas.

Os dois vestidos de noiva usados por Grace Kelly foram oferecidos pelos estúdios da MGM e desenhados por Helen Rose. O vestido que a atriz escolheu usar na cerimónia religiosa demorou 3 semanas a ficar pronto. Foram precisas 36 costureiras para construir um dos vestidos de noiva mais emblemáticos de sempre. Era feito em renda belga, seda, tafetá e tule. No dia do seu casamento, a noiva usou uma fragância exclusiva criada pela House of Creed, denominada Fleurissimo.

O bouquet foi feito com lírios-do-vale e diz-se que a futura Princesa não usou saltos no dia do seu casamento para não ficar mais alta do que o noivo. David Evins, que foi o responsável por desenhar o calçado da noiva, incluiu uma moeda de cobre num dos sapatos como sinal de boa sorte. À semelhança dos sapatos, o véu foi decorado com pérolas.

Ao contrário do que aconteceu com a noiva, o fato utilizado por Rainier no dia do seu casamento foi desenhado por si mesmo.

Diz-se que o bolo de casamento ficou a cargo de vários chefs do Hotel de Paris e foi mandado fazer em branco de forma a condizer com o vestido de Grace Kelly. Após o casal cortar o bolo, com seis andares e 3 metros de altura, foram lançadas duas rolas.

Após a cerimónia religiosa, Grace Kelly e o Príncipe Rainier III passearam de Rolls Royce pelas ruas do mónaco cumprimentando os cidadãos. O carro descapotável foi oferecido como presente de casamento ao casal que mais tarde acabaram por passar a lua-de-mel a bordo de um cruzeiro pelo mediterrâneo.

De forma a que o casamento se realizasse, a família de Grace Kelly foi obrigada a pagar à família real do Mónaco um dote no valor de 1,7 milhões de euros. Com o casamento, a atriz foi agraciada com 140 títulos reais.

Clique na galeria e veja alguns dos momentos mais marcantes da vida de Grace Kelly e Príncipe Rainier III.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.