Doze anos já lá vão desde que Afonso Maló se estreou na televisão. O tempo que passou desde aí serviu para crescer. No entanto, o menino sorridente e divertido mantém a mesma essência: "Sou o mesmo Afonso de sempre, apenas mais maduro e com objetivos traçados na vida".

Quando se dá conta de que mais de uma década o separa da personagem de ‘Tiago’ fica surpreendido, no entanto, recorda com carinho, os tempos de ‘Inspetor Max’: “Foi sem dúvida uma experiência memorável e incrível da qual tenho muito carinho e saudades”, refere em conversa com o Fama ao Minuto.

“Lembro-me de várias brincadeiras que tínhamos todos em estúdio. Nomeadamente ir almoçar à pressa com o Diogo (Vasco) para irmos jogar playstation e termos tempo para uns bons dérbis! Nos intervalos andava de um lado para o outro com a Sara e com o Diogo sempre a aprontar alguma”, recorda.

É com saudade que relata uma das suas travessuras preferidas na altura: “Lembro-me de que antes de ir para casa pedia, uma vez ou outra, à Magali (maquilhadora) para me fazer uns cortes na cara, tiros na mão, etc, para quando chegasse a casa dizer aos meus pais: 'Levei um tiro na mão mãe, mas estou bem não te preocupes', bons tempos”.

Atualmente com 20 anos, tem uma vida bastante preenchida. Está no segundo ano da licenciatura de Gestão, no ISCTE (Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa) e é um “apaixonado por marketing”. Apesar de tudo isto, ainda encontra tempo para o desporto: “Jogo rugby no Grupo Desportivo Direito (GDD), que para mim já não é apenas um clube, mas sim uma segunda família”.

Dono de uma excelente forma física que não passa despercebida ao universo feminino, o Fama ao Minuto questionou-o sobre qual era o seu segredo para a manter: “Sou uma pessoa muito ativa e procuro levar um estilo de vida o mais saudável possível. Comer bem é fundamental é tão ou mais importante que o treino”, afirma. Por isso, tem algumas restrições na sua dieta: “Cortar nos açúcares, lactose e alimentos sintéticos (...) e claro, treinar! Acho que não devemos ser fundamentalistas ou levar uma alimentação extremamente agressiva, gosto de um bom jantar com todos os meus amigos reunidos por exemplo, e acho que isso é também importante e deve fazer parte da vida. No fundo, haver um equilíbrio”, explica.

Os elogios não são algo que intimide Afonso Maló, nem a abordagem das fãs, que por incrível que pareça, ainda o reconhecem na rua: “Ainda há pouco tempo estava numa loja e vieram umas miúdas e um rapaz ter comigo a perguntar se eu não me importava de tirar umas fotografias com eles, achei piada e fiquei cinco minutos a tirar selfies, porque uma delas achava que nunca ficava gira!”, descreve divertido.

“E quanto ao futuro?”. Afonso responde que não costuma “pensar muito nisso”, até porque gosta de “viver tranquilamente cumprindo com os objetivos” que vai traçando na sua vida. Motivo que não impede que sonhe com grandes projetos. E neste campo, a representação não está completamente posta de parte, até porque um grande desejo era “ter a oportunidade de interpretar alguma personagem um pouco mais desafiante. Algo diferente. Quem sabe, em cinema”.

De facto, o futuro é uma incógnita, mas para Afonso, isso não assusta porque sabe que “vai chegar onde quer”.

5 coisas que ainda não sabia sobre Afonso Maló

1) Gosta de ler, principalmente, livros de Filosofia. Uma das obras da sua vida é 'Relato de um Náufrago',de Gabriel Garcia Marquez;

2) Faz dobragens;

3) Não passa um dia sem ouvir música. Gosta de tudo, desde Bossa Nova a Indie Rock;

4) Toca guitarra e compõe músicas com amigos de infância;

5) Tem um projeto musical.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.