Demi Lovato tem estado no centro das atenções, depois de ter sido levada de urgência para o hospital na madrugada de terça-feira por causa de uma overdose.

De acordo com as recentes informações, a artista recusou-se a cooperar com os paramédicos e não disse qual foi a droga que causou a overdose.

Fontes das autoridades contam ainda ao TMZ que acredita-se que tenha sido heroína, mas uma fonte próxima de Lovato garante que não foi heroína, recusando-se a dizer qual a droga usada pela artista.

Segundo os primeiros relatos, Demi estava inconsciente quando os paramédicos chegaram ao local e foi logo 'tratada' com Narcan, uma substância usada contra overdoses de opioides.

As fontes policiais acrescentam ainda que não está a decorrer nenhuma investigação, uma vez que não foi apreendido nenhum tipo de droga em casa da artista e, por isso, não podem determinar que a cantora tinha em sua posse uma substância ilegal.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.