A maratona musical de Kjel Elvis, nome artístico de Kjell Henning Bjornestad, durou 50 horas, 50 minutos e 50 segundos, batendo em sete horas um anterior recorde, comprovado pelo Guinness, que há 16 anos pertencia ao alemão Thomas “Curtis” Gäthje.

“Nunca mais farei isto de novo” confessou o sósia de Elvis Presley, em declarações ao canal de televisão norueguês NRK, esta a manhã, no final da sua atuação.

Bjornestad, de 52 anos, começou o desafio às 8h00 de quinta-feira, num bar no centro do Oslo, capital da Noruega, surgindo trajado a rigor com roupas semelhantes às usadas por Elvis Presley em palco.

Segundo o empresário do artista, durante a maratona musical Kjel Elvis foi aconselhado a não abusar do café durante as duas noites em que se manteve acordado, alimentando-se de batidos, frutas e barras energéticas para tentar manter a voz, que nas últimas horas da atuação já surgiu bastante rouca.

Bjornestad, que já por duas vezes tinha batido o recorde do mundo a interpretar de forma consecutiva êxitos de Elvis Preseley, nomeadamente em 2003 quando cantou durante 26 horas consecutivas, apelou a doações no site deste evento para serem destinadas à construção de hospitais na Birmânia.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.