A vida de Ben Affleck tem sido marcada por grandes desafios e a saúde mental tem sido uma das suas maiores preocupações. O vício em álcool fez com que desenvolvesse outros problemas, como a depressão. Tema do qual falou abertamente numa entrevista recente ao 'Good Morning America'.

"Estou deprimido. Tomo antidepressivos, são muito úteis para mim", afirmou, revelando de seguida que recorre a medicação "de vários tipos" desde os 26 anos.

Outro dos aspetos que sublinhou foi o facto de ter engordado com os medicamentos, algo para o qual não estava preparado uma vez que não foi alertado para tal. "Às vezes não te falam sobre os efeitos colaterais horríveis", lamentou.

A entrevista de Ben Affleck ficou ainda marcada pelo desabafo sobre o casamento com Jennifer Garner. O ator afirmou que o seu maior arrependimento foi o divórcio da mãe dos seus filhos, resultado dos problemas com álcool que se começaram a evidenciar.

"Bebia relativamente [de forma] normal durante muito tempo. O que aconteceu foi que comecei a beber mais quando o meu casamento estava a desmoronar. O meu alcoolismo, obviamente, criou mais problemas conjugais".

Leia Também: Maior arrepdendimento de Ben Affleck? O divórcio de Jennifer Garner

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.