Evan Rachel Wood juntou-se às centenas de rostos de mulheres que deram a conhecer os seus casos de abuso e assédio sexual e partilhou a sua história no Congresso dos EUA. Num discurso comovente, a atriz de ‘Westworld’ confessou ter sido vítima de um ex-namorado que a submeteu a “abusos tóxicos, físicos e mentais”.

A artista, que apoiou a Carta de Direitos das Vítimas de Violência Sexual, afirmou que o antigo companheiro a abusou quando estava inconsciente e a torturou até que o abusador sentisse que esta conseguia “provar o seu amor” por ele.

A traumática experiência teve duras implicações na vida de Evan. “A minha auto-estima e espírito foram derrubados. Estava profundamente apavorada e esse medo permanece comigo até hoje”, contou.

Sete anos após os abusos que sofreu, a atriz foi diagnosticada com TEPT (Transtorno de Stress Pós-Traumático). “Sete anos após as violações, no plural, foi diagnosticada com TEPT, algo com que vivia sem saber. Achava que estava a ficar louca”, vincou.

De recordar que Evan Rachel Wood confessou ter sido vítima de abusos sexuais em novembro de 2016, numa entrevista à Rolling Stone.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.