Juliana Paes tinha 15 anos quando no dia 1 de maio de 1994 morreu o piloto Ayrton Senna. Um marco histórico para o povo brasileiro, que ficou marcado na memória da atriz.

Nas habituais "arrumações de fim de ano", a mãe de Juliana encontrou uma carta que esta escreveu para se despedir do seu ídolo.

"Fazendo a arrumação de fim de ano, mamãe achou essa cartinha que eu escrevi pro Senna logo assim que ele se foi... lembrei de quanto gostava dele, de poesia (e ainda gosto) e que sempre fui lúdica assim!!! Que sorte a nossa ter vivido um tempo de heróis de carne e osso! Lembrei das manhãs em que vibrávamos juntos lá em casa... Ah as lembranças! Coisa boa", escreve a musa brasileira ao partilhar com os seus seguidores do Instagram a referida carta.

Eis abaixo o texto de Juliana Paes: "Senna - 1º de maio (Ju). Só você para encher nosso coração. Só você alegrava toda essa multidão. Sua vontade de vencer era tão verdadeira... Só você nos orgulhava de levantar a bandeira brasileira. Quando você estava feliz, todos estávamos também. Quando você vencia, duvido que havia corações tristes no peito de alguém. Quando você estava triste, nós sofríamos por você. Hoje que você morre, todo povo também quer morrer. Valeu, Senna".

Leia Também: Juliana Paes adere a desafio viral e recria dança de Shakira

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.