A empresa norueguesa de arquitetura e design Snøhetta foi a escolhida para orientar uma das obras mais ambiciosas quanto ao impacto ambiental, tratando-se de um hotel sustentável sobre um glaciar no norte do Círculo Polar Ártico. Na proposta final, a firma escandinava superou-se ao apresentar conceitos inovadores ecológicos.

O Svart - em homenagem ao glaciar Svartisen - será erguido no norte da Noruega, sendo o primeiro hotel 'powerhouse' do mundo, ou seja, conseguirá gerar mais energia do que aquela que consumirá. De acordo com o site My Modern Met, o Svart “terá uma taxa de consumo de energia 85% menor do que a dos hotéis tradicionais”. Tudo isto só será possível devido a uma profunda pesquisa e um desenho minucioso por parte da Snøhetta.

“Construir algo num ambiente tão frágil obriga-nos a algumas restrições para preservar a beleza natural, assim como a fauna e flora local. Pareceu-nos importante desenhar um hotel sustentável, com o mínimo de impacto ambiental nesta paisagem fantástica nórdica”,disse Kjetil Trædal Thorsen, sócio fundado da empresa de arquitetura.

Svart será um hotel sustentável ao norte do Círculo Polar Ártico, que gerará mais energia do que consome.
créditos: Svart-Snøhetta

Svart ficará sobre as águas do fiorde de Holandsfjorden e sua forma, em nave espacial, oferecerá vistas panorâmicas da espetacular paisagem nórdica. Apesar de se tratar de uma construção contemporânea, ela é inspirada nas casas temporárias utilizadas pelos pescadores locais. Além disso, as vigas em arco, submersas nas águas do Ártico, assemelham-se a um fiskehjell, uma estrutura de madeira usada para secar o peixe.

Mantendo a sua linha ecológica, os hóspedes apenas conseguirão aceder o hotel de barco, contudo, existem projetos para a colocação de ferry alimentado por energia renovável desde a cidade de Bodø. Os painéis solares colocados na parte superior do hotel ficarão alinhados com os raios solares para maior geração de energia, enquanto os poços geotérmicos irão absorver o calor do chão para o aquecimento. Todos os quartos, terraços e o restaurante foram estrategicamente projetados para aproveitar as sombras nos meses de verão.

Hotel Svart, na Noruega, foi projetado pela empresa Snøhetta
créditos: Snøhetta

Programado para abrir em 2021, Svart é apenas o primeiro de muitos edifícios Powerhouse que a Snøhetta pretende construir no futuro.

Snøhetta, uma empresa de arquitetura conhecida pelos seus edifícios sustentáveis
créditos: Svart-Snøhetta

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.