O número de turistas que elegeu o centro de Portugal para uns dias de férias aumentou 5,17% entre janeiro e outubro, atingindo os 3,58 milhões de visitantes. Nos primeiros 10 meses do ano, as dormidas registaram um crescimento superior à média nacional, o que acabou por se refletir na atividade turística naquela zona, que faturou mais de 310 milhões de euros, o que representa um aumento de 6,17% em comparação com o mesmo período do ano anterior.

"Os resultados publicados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística deixam antever que este vai ser o melhor ano de sempre para a atividade turística na região, tanto a nível de hóspedes como de dormidas e de receitas", refere o Turismo Centro de Portugal em comunicado. "No indicador das dormidas, a região cresceu 4,15% nos primeiros 10 meses do ano, acima dos 3,74% de subida da média nacional", avança a entidade que promove o turismo naquela zona.

"Os números são positivos tanto nas dormidas de visitantes nacionais como internacionais", refere o documento. Portugueses a (re)visitar a zona foram mais 5,23%. Turistas estrangeiros foram mais 2,88%. "Em valores absolutos, contabilizaram-se 6,23 milhões de dormidas entre janeiro e outubro, mais 250.000 do que nos mesmos meses do ano anterior. Uma diferença significativa e que ilustra a contínua progressão da região a nível da procura", pode ler-se.

"Se olharmos ainda mais para trás, verificamos que, entre janeiro e outubro de 2014, por exemplo, as dormidas não chegavam aos quatro milhões", recorda Pedro Machado. "São dados claramente encorajadores para os empresários que investem no turismo da região", afirma ainda o presidente do Turismo Centro de Portugal, uma região que abrange uma centena de municípios, incluindo Castelo Branco, Aveiro, Coimbra, Viseu, Leiria, Fátima e Tomar.

Uma das causas desse aumento foi o programa StayOver Fátima-Tomar, uma iniciativa inédita promovida pela Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo que, este verão, envolveu 13 autarquias, unidades de alojamento, agentes turísticos, empresas de animação turística, museus, espaços temáticos, restaurantes e lojas de produtos regionais, que proporcionaram descontos, ofertas e experiências exclusivas aos que visitaram esta zona, repleta de atrativos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.