Se desconhecia, fique a saber que Vila Viçosa tem um forte património histórico e cultural, com destaque para o Paço Ducal que, em tempos, serviu de casa de férias real nos diferentes reinados portugueses e de sede do ducado de Bragança. Uma construção com mais de cinco séculos, com uma fachada única em Portugal, com 110 metros de comprimento.

Naquela que foi a última morada do último rei de Portugal encontramos agora um museu e biblioteca que integra vários fundos bibliográficos e arquivísticos de valor incalculável, a armaria, o tesouro, a coleção de porcelana azul e branco da China e a coleção de carruagens.

A esta última regressou recentemente o Landau do Regicídio, que esteve exposto no Museu dos Coches. Esta viatura era a que a família real utilizava quando, no dia 1 de fevereiro de 1908, aconteceu a morte do rei D. Carlos I e do príncipe herdeiro, D. Luís Filipe.

A biblioteca divide-se em dois núcleos específicos: a Biblioteca D. Manuel II e o Fundo Geral. Possui ainda hemeroteca, coleções de cartografia, gravura e medalhística.

A Igreja dos Agostinhos, Panteão dos duques de Bragança, pode agora ser visitada nos fins de semana, graças a uma parceria com a Câmara Municipal de Vila Viçosa. Os bilhetes custam 3€ e podem ser adquiridos na portaria do Paço Ducal, durante o horário de funcionamento do museu.

De outubro a maio

Terça-feira: 14h – 17h (Última visita às 16h00).

De quarta-feira a domingo: 10h-13h (Última visita às 12h00) e 14h-17h (Última visita às 16h00).

Os núcleos museológicos encerram às segundas e às terças de manhã, bem como nos feriados nacionais.

Outra das construções importantes da vila alentejana e património da FCB é o castelo de Vila Viçosa, mandado construir por D. Dinis após a reconquista cristã. É aqui que se situa o Santuário de Nossa Senhora da Conceição, considerada padroeira de Portugal, que chegou a receber a visita do Papa João Paulo II, em 1982.

É possível visitar o Paço Ducal e Castelo de Vila Viçosa durante todo o ano.

Além do património histórico, Vila Viçosa é também o local onde nasceram figuras importantes da cultura portuguesa, como a poetisa Florbela Espanca, o matemático Bento de Jesus Caraça ou o pintor Henrique Pousão. A vila é também conhecida pelo papel que tem na exploração do mármore.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.