É incontornável: na mudança de ano, definem-se novos desejos, criam-se novas expectativas e as nossas casas não são alheias a estas formulações – sobretudo depois de um ano tão atípico em que a maioria das famílias passou mais tempo em casa do que alguma vez havia passado.

Assim, e para equilibrar com os tradicionais 12 desejos que costumamos formular à meia-noite da passagem de ano, a Loja do Condomínio deixa aqui 12 truques para que neste 2021 consiga ter a casa sempre organizada e confortável:

1- Calendarize

Bom, não é que seja necessário escrever na agenda a tarefa de organizar a casa. Mas como a tarefa deve ser diária, é importante que reserve todos os dias um mesmo período para o fazer.

Depende sempre dos seus horários e da logística da família, mas, por exemplo, pode dedicar 15 minutos no início de todas as manhãs para organizar a casa e deixar tudo preparado para quando regressar no final do dia;

2- Faças as camas

Esqueça a ideia de que não é necessário fazer a cama se a vai utilizar novamente no final do dia. Afinal, uma cama por fazer não confere a imagem de uma casa organizada e é um claro convite para lá ‘entrarmos’ mais cinco minutos e cedermos à tentação de procrastinar.

3- Não deixe a loiça para amanhã

É claro que, depois de um longo dia de trabalho, a última coisa que nos apetece é lavar ou colocar na máquina a loiça do jantar – mas esta simples tarefa faz realmente a diferença não só na organização geral, mas sobretudo na sua disposição quando, de manhã, entra de novo na cozinha.

4- Diga ‘adeus’ à gaveta do ‘cabe tudo’

Todos temos uma gaveta do ‘cabe tudo’ em casa – ou seja, uma gaveta onde guardamos tudo aquilo que parece não ter um local de arrumação, que não é importante ou que fica para depois organizarmos.

Nesta gaveta existe de tudo: faturas antigas, moedas, objetos oferecidos pela tia-avó e até brinquedos estragados dos miúdos. No fundo, existe tudo o que não interessa e que, por isso mesmo, devemos dar, deitar fora ou reciclar.

5- Acabe com a torre de roupa

Esta deve ser a maior fragilidade na maioria dos lares: a roupa que acumula e que se transforma numa torre enorme que até custa encarar. O segredo passa, uma vez mais, pela organização diária.

A roupa seca deve ser imediatamente recolhida e dobrada e arrumada, ou passada a ferro quando é caso disso. Ou, em alternativa, pode dedicar um dia por semana para tratar desta tarefa – mas, nesta opção, é normal que volte a acumular muita roupa, pelo que o ideal será realmente fazê-lo com a maior regularidade possível.

6- É útil ou importante? Então guarde

O resto, o que não tem utilidade nem importância emocional, é para dar ou deitar fora. Evite guardar e acumular bens e objetos que, para além de não serem essenciais, apenas servem para criar pó, ocupar espaço e ajudar na desorganização da casa.

7- Dedicação à limpeza geral

E a limpeza geral é aquela limpeza mais profunda que deve fazer uma vez por semana – arredando sofás, trocando lençóis e atoalhados e limpando com maior rigor o mobiliário.

E se o fizer sempre num dia fixo, acredite que o processo se torna rotineiro e mais simples – mas mais simples se torna ainda se garantir a primeira dica deste artigo: organizando a casa diariamente, o dia da limpeza geral torna-se muito mais simples e rápido!

8- Usou, guardou

Quantas vezes precisamos de utilizar a caixa de ferramentas e depois a deixamos no meio da sala até que nos apeteça guardá-la? Muitas vezes, não é verdade? Pois isso só contribui para a desorganização da casa e para alguma perda de tempo.

Assim, é regra é mesmo esta: depois de usar, é preciso guardar!

9- Diga ‘sim’ aos rótulos

Ninguém gosta de rótulos, mas nas nossas casas eles são muito úteis. Sobretudo nas despensas e nos escritórios, em que rotular caixas e embalagens é meio caminho andado para nos organizarmos e melhor conseguirmos identificar os nossos pertences.

O mesmo pode fazer, por exemplo, com os alimentos que divide em sacos para congelar – identificando não só o produto em si como a data de validade.

10- Evite a ‘maldição’ das tampas perdidas

Todos já passámos por isto: queremos usar uma caixa hermética para guardar uma refeição, mas não encontramos a tampa. Para evitar esta situação, basta que guarde todas as caixas já com as tampas colocadas – pode perder em espaço, mas acredite que ganha (e muito!) em tempo e organização.

11- Otimize o roupeiro

Tenha um closet ou um roupeiro pequeno, o problema é quase sempre o mesmo: demasiada roupa para pouco espaço, o que leva a que os armários fiquem desorganizados e amontoados.

Para resolver esta questão, as dicas de Marie Kondo, a famosa especialista em organização pessoal, podem ser uma ajuda preciosa: roupa organizada por tipo, estação e/ou cor, e peças dobradas com rigor e detalhe.

12- Envolva toda a família

Não existe uma casa organizada sem o envolvimento de todos – sejam eles adultos ou crianças. E quanto mais cedo envolver os seus filhos no processo, também mais cedo eles irão adotar esses hábitos e contribuir para a boa logística das lidas domésticas.

Como vê, são 12 dicas que poderão ajudar a que consiga ter a casa o mais organizada possível durante todo o ano – mas vá, com alguma margem e flexibilidade, que não há nada melhor do que um lar com marcas da nossa vida e da nossa felicidade.

Fonte: Loja do Condomínio

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.