Quando estiver a pensar na decoração da sua casa tenha em atenção os pontos de luz que tem disponíveis, bem como as tomadas. Vai poder definir onde pode colocar candeeiros de teto, iluminação de parede ou candeeiros de chão e de mesa.

Não esqueça a iluminação!

Em cada uma das divisões podemos ter três tipos de iluminação, uma iluminação mais geral, que ilumina todo o espaço, uma iluminação de uma zona em especial, para destacar um recanto e uma iluminação para detalhes, que vai enriquecer toda a decoração.

Quanto à iluminação geral, utilize um candeeiro com lâmpadas com potência suficiente para que ilumine a totalidade da divisão. Caso não tenha um pé direito muito alto, pode optar por projetores, estes vão estar encostados ao teto, por isso, visualmente não vão encher tanto o espaço.

Não esqueça a iluminação!

Para iluminar um recanto em especial, coloque candeeiros de pé ou de mesa (com uma luz mais intimista), exceto em espaços onde pretende ler. Nesse caso, deve ter um candeeiro com uma luz direcionável, com a correta intensidade para que a luz seja a mais adequada.

Não esqueça a iluminação!

Caso pretenda iluminar alguns detalhes, como por exemplo, quadros ou esculturas, opte pela iluminação de parede ou pelos focos direcionáveis. Estas peças serão o centro das atenções de toda a decoração, criando um ambiente mais sofisticado e intimista.

Na sala de jantar, coloque um reóstato para ter vários ambientes. Pode aumentar ou reduzir a intensidade da iluminação de teto, criando assim, um ambiente mais festivo ou mais romântico.

Não esqueça a iluminação!

Na cozinha, não prescinda da iluminação entre bancadas, para evitar sombras quando está a cozinhar e na casa de banho, tenha o candeeiro adequado a iluminar o espelho, para não haver falhas quando se está a maquilhar ou a fazer a barba.

As nossas dicas não dispensam a opinião de um profissional da Leroy Merlin, para que tudo corra dentro do planeado. Vamos a isso?