Imbolc * já lá vai, mas está TÃO Presente, que resolvi reforçar.

Imbolc > "Do Ventre", o auge do inverno, o primeiro sinal da primavera que se segue sente-se nesta lunação, final de janeiro princípio de fevereiro. Tempo de purgar e de nutrir.

As precisas e preciosas sementes criadas naturalmente no longo inverno, ainda no conforto, no quente e nutridor, no escuro do colo da Mãe Terra, começam outra transformação: o espreguiçar, a germinação, e, a seu tempo irão emergir com a primavera e crescer ao longo das próximas lunações.

É tempo de limpeza e purificação.

É tempo de varrer as nossas casas, o nosso corpo, mente e espírito. É tempo de acender o fogo das velas ou fogueira, dentro e fora. Para limpar e transformar o que é para deixar ir, abrindo espaço ao crescimento, inspirações e novos começos ao longo do ano.

Os dias começarão a aumentar, celebra-se a Luz que chega e cresce, dentro e fora.

Assim É.

Nádia NadZka

*O ImbolcImbolg ou Oilmec é um festivalgaélico que marca o início da primavera. É comumente realizado nos primeiros dias de fevereiro ou a meio caminho entre o solstício de inverno e o equinócio de primavera.[1][2]Historicamente, o festival de Imbolc foi observado na Irlanda, Escócia e Ilha de Man. É considerado com um dos quatro festivais sazonais gaélicos, junto com Beltane, Lughnasadh e Samhain.[3] Também corresponde ao festival galês Gŵyl Fair y Canhwyllau. “Wikipédia”

www.nadzka.weebly.com

nadia.nadzka@gmail.com

Facebook: https://www.facebook.com/nadzkapage/

Instagram: nadia.nadzkawork

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.