Voltando ao Ano Novo 2024, ele começará mais na próxima Lua Nova de Capricórnio, a 12 de janeiro – regida por Saturno – do que a 1 de janeiro.

Júpiter só dia 30/31 de dezembro de 2023 entrou a direto, ainda está a ganhar velocidade para nos abençoar com a verdade, a fé, a inspiração.

Mercúrio deixou a retrogradação (um bocado “manhosa” no final, quadrada a Neptuno e conjunta a Marte) ainda há menos dias, e em Sagitário estimula a visão expansiva, o planeamento sábio, a confiança na ousadia rumo a horizontes ainda não pisados. Mas atenção a excessos irrealistas, gas lighting, faltas de clareza, falhas de comunicação, pois ainda está nebulosa a comunicação com Neptuno.

O ano começou também com o travão de Vénus a Saturno, eventualmente frustrando – na melhor hipótese, fazendo um reality check (de volta à realidade) nos assuntos venusianos como relações, valores, dinheiros.

Entrar em contacto com a realidade que temos - seja financeira, seja afetiva - é sempre importante para evoluirmos, e muito breve, a 27 jan, Urano será o último planeta a ficar direto, pelo que teremos depois mais 2 meses com o sistema solar “a abrir” ? numa fase de desbloqueios, pragmatismo, avanço.

Janeiro ainda é fase de processar 2023, o que tem que deixar para trás?

Que lições devem ser integradas?

Que assuntos da área do seu mapa onde tem Sagitário, têm que ser trabalhados para haver avanço na área Capricórnio do seu mapa?
Qual é a sua Terra Prometida para este ano?

Sugiro que, nesta Lua minguante até dia 11 de janeiro, sonhe, visualize, reflita, medite e escreva os seus desejos do coração.

E a partir desta Lua nova bonita (12 de janeiro) – a mais promissora dos últimos tempos! - poderosa no elemento terra, das concretizações,

Aja! As suas sementes cairão em solo fértil, com a lunação em trígono a Úrano em Touro, e o regente em boa comunicação com Júpiter e Marte.

Aliás, esta Lua nova cai muito perto do grau onde, no início de 2020, Saturno se uniu a Plutão para iniciarem novo ciclo coletivo: o que aconteceu aí na sua vida pessoal? O que ficou por fazer? Força agora!

Em 20 de janeiro Mercúrio limpa a sua sombra (avança por novo território a explorar) e neste dia, temos 5 planetas em Capricórnio(!) e 7 dos 10 planetas em signos de terra!!

Pés no chão, arregaçar as mangas, concretizar, agir; estruturar, inventoriar, materializar, cuidar das formas. Nesta Lua nova com que começamos o ano, temos um belíssimo trígono de Vénus ao Quíron e ao Nodo Norte, e Marte trígono a Júpiter (ambos regentes dos nodos).

Este Marte dá assim, o “pontapé de saída” para o primeiro semestre de 2024, ativando a área do nosso mapa astral onde temos Touro.

Abra-se às oportunidades!

Curas afetivas/emocionais, capazes de reativar sentidos, no amor e sentimentos, e de nos re-orientar no nosso processo de individuação e destino.

Fluidez no processar das lições recentes, nas relações, parcerias, associações.

Para maior cura, harmonia, maturidade.  Este Marte está poderoso: sentido prático, foco, força e fé, para os nossos objetivos e metas.

Grande chamamento para voar, mas com raízes fortes.

Os regentes dos nodos e do Quíron, Vénus e Marte, casam dia 23 fevereiro, inaugurando um novo ciclo relacional e financeiro, que apoia a resolução dos processos/desafios/conflitos trazidos por este eixo nodal Carneiro-Vénus, desde julho de 2023.

A última conjunção dos Amantes foi 13 de fevereiro 2022 (perto do Dia dos Namorados, sugestivo): como estava a sua vida afetiva e material nessa altura?

Em janeiro, proteja os seus afetos e valores. Não no sentido de ser possessivo, bloqueador, mas na direção da sua verdade, que ativa a sua coragem, assertividade e autoconfiança no que concerne aos valores que realmente são importantes para si.

Reflexões Pessoais

No último dia do último trânsito do meu segundo retorno de Saturno - o próximo só daqui a quase 30 anos! ? - escrevo este texto.

Sinto o “peso de Saturno”, como necessidade de ligação à realidade, ao concreto, objetivo, sequencial, linear, mas também como um surpreendente barqueiro ao leme da encarnação.

Que me/nos leva, por mares e terras onde recebemos – se estivermos abertos, disponíveis, bem podados - os resultados das nossas experiências, sob a forma do dharma: o destino que nos cabe cumprir.

Sem pressa de chegar a lado algum, cada vez com maior recetividade, permitindo-me este mais profundo patamar de conexão com o meu Ser.

Salve Senhor Saturno, Pai e Rei, Mestre e Artesão da Forma. Eu te agradeço as aprendizagens!
Por falar em dia 23 de fevereiro, em breve tenho uma bonita novidade para si ? esteja atento!

Muitas bênçãos, com amor,

Vera Leal FemininoConsciente EViagens
https://www.facebook.com/VeraFariaLealInternational
Instagram: vera_faria_leal
#femininoconsciete

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.