Um empresário sueco com uma esposa e dois de quatro filhos com nome de flores, desafiou o Rolls-Royce Bespoke Collective, e a sua equipa composta por designers, artesãos e engenheiros, a imaginar um carro que imergisse os seus ocupantes num ambiente floral sedutor.

O resultado é um santuário de verdadeiro luxo, uma visão de flores, criada com um milhão de pontos bordados.

Torsten Müller Ötvös, diretor executivo da Rolls-Royce Motor Cars, comentou: "O Rose Phantom é uma iteração impressionante de um Rolls-Royce contemporâneo. Os nossos artesãos alcançaram, com este carro, algo que pode só pode ser descrito como sublime e único no mundo".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.