De acordo com o gabinete estatístico europeu, este é o maior aumento homólogo desde o quarto trimestre de 2006, na zona euro, e na UE desde o terceiro trimestre de 2007.

Na comparação com o primeiro trimestre do ano, os preços das casas subiram, entre abril e junho, 2,6% na zona euro e 2,7% na UE.

Em 11 Estados-membros, os preços das casas tiveram um aumento homólogo de mais de 10%, com a Estónia (16,1%), a Dinamarca (15,6%) e República Checa (14,5%) a registarem as maiores subidas e tendo Chipre apresentado o único recuo (-4,9%).

Na variação trimestral, os preços das casas subiram nos 27 Estados-membros, com os principais avanços a serem observados na Letónia (6,7%), na Eslovénia (4,5%) e na Áustria (4,2%).

Em Portugal, o indicador aumentou 6,6% na comparação homóloga e 2,2% em cadeia.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.