O próximo parque urbano de Seul, capital da Coreia do Sul, poderá ser uma estrutura ondulante construída sobre o rio Huan. Na linha de Little Island e The Cove, dois projetos de arquitetura norte-americanos sobre cursos de água, The Leaf é uma das principais propostas atualmente em análise pelos decisores políticos do país para redinamizar a zona envolvente do estádio olímpico da cidade, nas margens daquele que é um dos maiores rios da península coreana.

Acessível através de uma ponte pedonal, a estrutura, maioritariamente coberta de vegetação, inclui trilhos pedestres, jardins aquáticos, áreas de lazer e miradouros. A proposta, desenvolvida por um consórcio internacional composto pelas empresas Heatherwick Studio, Benoy, Populous, DA Architecture Group e Now Architects, contempla ainda a construção de um auditório e de um ancoradouro para barcos e táxis aquáticos com bancas de venda de artesanato.

"Na génese do projeto, está a ideia de uma união lúdica. Pretendemos que se torne num novo e dinâmico espaço cívico no coração de Seul, num lugar onde as pessoas possam ir para se divertir, para explorar a cidade e para interagirem umas com as outras, num sítio animado que funcione como um bálsamo para toda a gente", refere Stuart Wood, um dos dirigentes do ateliê de arquitetura britânico Heatherwick Studio. As obras podem arrancar antes do fim de 2023.

Seul estuda criação de parque urbano sobre rio. Proposta em análise inclui trilhos pedestres e jardins aquáticos

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.