Não existe uma resposta padrão

A vida e o dinheiro não são certos. Há muitos imponderáveis e muitos fatores que tornam cada vida e cada decisão única. Na discussão da compra vs. arrendamento também é verdade. Não podemos dizer que há uma solução melhor do que a outra. É preciso fazer contas e colocar-se um conjunto de questões.

Será que vale a pena comprar casa?

Muitas pessoas dizem que é sempre melhor comprar casa. E têm esta opinião por um de três fatores:

• Quem compra uma casa estará a pagar por um ativo que ficará para si, mesmo que apenas depois de muitos anos;
• Aquilo que pagamos ao banco no crédito habitação é inferior ao que pagamentos a um senhorio (o que é verdade, mas ignora outros custos);
• As casas têm sempre um valor (o que é verdade) e este valor não desce com o tempo (o que nem sempre acontece);

Custos da compra de casa

A compra de uma casa é um contrato de longo prazo que está recheado de compromissos e de custos que importa conhecer. Apenas alguns:

Juros – Quem compra a casa com recurso ao crédito habitação terá de pagar juros. Estes juros são maioria das vezes variáveis com as condições de mercado;

Seguro de Vida – Ao comprar casa com o recurso ao crédito habitação também terá de subscrever um seguro de vida. Se for um casal também poderá ter de pagar o seguro em nome dos dois. Aliás, é muitas vezes possível poupar muito dinheiro com o seguro de vida associado ao crédito habitação;

Fiscalidade – A compra de casa envolve o pagamento do IMT e dos custos de escritura. Adicionalmente, e dependendo do rendimento da família, será necessário pagar o IMI todos os anos.

Manutenção – A manutenção de uma casa envolve custos que aumentam com a idade do imóvel. Desde canos rotos, pinturas, eletricidade, infiltrações e muitas outras despesas.

Condomínio – Quem é proprietário tem de efetuar o pagamento das contribuições regulares do condomínio. Adicionalmente, poderá ser necessário fazer obras no edifício que também terá de suportar na sua quota-parte.

Burocracia – Comprar uma casa envolve muita burocracia. Manter uma casa também envolve burocracias e tratamento de informação.

Mobilidade – A compra de casa é um compromisso de longo prazo. Assim, se comprar uma casa irá ficar preso a um compromisso que será difícil de quebrar, com todas as vantagens e desvantagens que lhe estão associados.

Vantagens e Desvantagens do Arrendamento

O arrendamento é uma alternativa que tem crescido nos últimos anos com o facto dos bancos terem “fechado a torneira” do crédito. Apesar da banca estar cada vez mais aberta a conceder crédito aos seus clientes (com uma subida progressiva da concessão de crédito habitação), o arrendamento ainda mantém algumas vantagens e desvantagens que deveremos considerar:

Flexibilidade – Pode escolher a casa que quiser e se não estiver satisfeito poderá sempre mudar de casa (desde que respeitando o contrato de arrendamento). Se quiser mudar de cidade ou se precisar de uma casa com outras características estará sempre em condições de mudar e de se adaptar.

Menos Risco – Quem arrenda não tem risco. As regras estão definidas num contrato que obriga as duas partes. Sabemos assim com o que podemos contar.

Ausência de Custos de Manutenção – Caso a casa precise de obras é o senhorio que tem de suportar os custos. É certo que poderá não querer pagar mas é obrigado por contrato a custear as obras necessárias para a manutenção da casa.

Menos Personalização – Se mora numa casa arrendada o seu desejo de gastar dinheiro para melhorias e personalização da casa será muito reduzido. Assim, terá de se “contentar” com as características da casa ou chegar a acordo com o senhorio. Em qualquer dos casos, a decisão de pagar obras de melhoria de um imóvel que não é o seu pode ser pouco intuitiva.

Como pode ver, a decisão de compra ou de arrendamento é uma decisão muito pessoal que envolve custos e outros fatores que são muito pessoais e específicos. Não controlamos o futuro e não podemos saber se vamos mudar de emprego, se vamos ter mais filhos ou se nos vamos divorciar, entre muitos outros. Assim, talvez seja prudente arrendar a casa enquanto somos novos e aguardar por maior definição na sua vida.

Caso pretenda perceber o custo da prestação do seu crédito habitação sugerimos que utilize o simulador de crédito habitação do Dr. Finanças.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.