Os suplementos de cálcio tomados por pessoas idosas para combater a osteoporose e prevenir fracturas podem aumentar o risco de ataque cardíaco. Os resultados da pesquisa, que incluiu 12 mil pessoas, sugerem que o papel do cálcio no tratamento da osteoporose deve ser reconsiderado.

De acordo com a análise, a ingestão de comprimidos de cálcio está associada a um aumento do risco cardíaco de cerca de 25% a 30%. No entanto, o estudo não indica um aumento significativo de mortalidade.

A equipa internacional, dirigida por Ian Reid, da Universidade de Auckland, na Nova Zelândia, chegou à conclusão que o aumento moderado do risco cardíaco não depende de idade, do sexo e do tipo de suplemento.

No entanto, uma alimentação mais rica em cálcio, da forma natural, não está associada a um maior risco de problemas cardiovasculares.

John Cleland, da Universidade de Hull, no Reino Unido, diz que, sem levar em conta um possível impacto sobre os números de ataques cardíacos, os suplementos de cálcio são, de qualquer maneira, pouco eficazes para reduzir as fracturas ósseas.

Fonte: AFP

2010-08-03

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.