A medida ocorre depois de um aumento de casos da COVID-19 na região nesta semana.

Singapura inicialmente conseguiu conter a epidemia devido a uma estratégia muito rígida no que se refere ao controlo e o contacto com pessoas contaminadas.

Porém, enfrenta uma segunda onda do vírus desde o início de abril, por causa dos trabalhadores migrantes.

Nesta terça-feira, as autoridades locais da Saúde registaram 1.111 novos casos de COVID-19, aumentando o total para 9.125 infetados e 11 mortes.

Já ontem esse aumento também foi superior a um milhar de casos.

O confinamento durará pelo menos até ao dia 1 de junho e será reforçado. As práticas desportivas estão autorizadas somente se realizadas a solo e não em grupos.

O novo coronavírus responsável pela presente pandemia de covid-19 foi detetado na China em dezembro de 2019 e já infetou quase 2,5 milhões de pessoas em todo o mundo, das quais mais de 170.000 morreram. Ainda nesse universo de doentes, mais de 558.000 foram já dados como recuperados.

Em Portugal, onde os primeiros casos confirmados se registaram a 02 de março, o último balanço da DGS indicava 762 óbitos entre 21.379 infeções confirmadas. Entre esses doentes, 1.172 estão internados em hospitais, 917 já recuperaram e os restantes convalescem em casa ou noutras instituições.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.