De acordo com dados hoje divulgados pelo gabinete estatístico europeu, ente 01 de janeiro de 2020 e 01 de janeiro de 2021, a população da UE diminuiu em 312 mil pessoas, muito provavelmente, salienta o Eurostat, devido ao impacto da pandemia da covid-19.

Este recuo entre 2020 e 2021 na média da UE interrompe a tendência de crescimento da população observada entre 2001 e 2021.

Em termos absolutos, o maior recuo foi observado em Itália (-384 mil, o que representa 0,6% da população do país), seguindo-se a Roménia (-143, 0,7%) e a Polónia (-118 mil, 0,3% da população).

No total, nove Estados-membros registaram recuos demográficos no último ano, enquanto os restantes 18 Estados-membros viram a sua população crescer, com a França à cabeça, com mais 199 mil pessoas (0,2%).

Portugal tem 10,3 milhões de habitantes, um número equivalente ao de 2001 e constantes desde 2016, depois de um pico de 10,6, entre 2008 e 2012.

No que respeita ao envelhecimento da população (pessoas com 65 anos ou mais), a Itália apresentou em 2020, a maior percentagem (23%), seguida de Portugal, Grécia, Finlândia, Alemanha e Bulgária (22% cada), tendo as taxas mais baixas sido registadas na Irlanda (14%) e no Luxemburgo (15%).

A taxa de população portuguesa com menos de 15 anos recuou de 16,3% em 2001 (UE 16,8%) para os 13,6% em 2020 (UE 15,1%).

Olhando para a percentagem de pessoas com 65 anos ou mais na população total, a Itália (23%), (todos 22%) tiveram as percentagens mais elevadas, enquanto a Irlanda (14%) e o Luxemburgo (15%) tiveram as mais baixas. Durante o período 2001-2020, pôde ser observado um aumento na percentagem de pessoas com 65 anos ou mais em todos os Estados-membros.

Entre os Estados-Membros da UE, a maior idade média em 2020 foi observada em Itália (47 anos), Alemanha e Portugal (ambos 46 anos), Bulgária e Grécia (ambos 45), e a mais baixa em Chipre e Irlanda (ambos 38) e Luxemburgo e Malta (ambos 40).

Durante o período de 2001 a 2020, a idade média aumentou sete anos ou mais na Roménia, Lituânia, Portugal, Itália, Eslováquia, Espanha e Grécia.

A densidade populacional de Portugal era, em 2019, de 113 pessoas por quilómetro quadrado (km2), acima da média da UE (109 mil por km2).

A maior densidade populacional foi observada em Malta (1.595 pessoas por km²), seguida à distância pelos Países Baixos (507 mil) e pela Bélgica (377 mil).

 No outro extremo da distância estavam a Finlândia (18 pessoas por km²) e a Suécia (25 mil) com as densidades populacionais mais baixas.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.