De acordo com os dados avançados pelo CHUA em comunicado, os hospitais de Portimão e de Faro e os centros de saúde, acolhem 134 novos médicos da formação geral e 35 da formação especializada.

“Este número crescente e bastante significativo de jovens recém-formados, que anualmente escolhem os nossos hospitais no âmbito do Internato médico, (…) é o reconhecimento da qualidade da nossa instituição no que respeita à formação dos novos médicos”, frisou Ana Camacho, diretora do internato médico, citada no documento.

Segundo o CHUA, os médicos vão fazer a formação especializada nos hospitais de Faro e de Portimão, nas especialidades de anestesiologia, cardiologia, cirurgia geral, doenças infecciosas, gastrenterologia, ginecologia/obstetrícia, medicina física e reabilitação, medicina intensiva, medicina interna, nefrologia, neurocirurgia, oncologia, pediatria, pneumologia, psiquiatria, radiologia, reumatologia e urologia.

Na formação geral, os novos internos vão desenvolver a sua formação, de forma tutelada, em diferentes especialidades e serviços nas unidades hospitalares de Faro e de Portimão e, ainda, nos centros de saúde, “por forma a aprofundar os seus conhecimentos em diversos contextos clínicos”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.