Os beneficiários do cartão terão uma “comparticipação de 50% das consultas de especialidades” se recorrerem ao setor privado, “desde que não tenham resposta no Serviço Nacional de Saúde, ou tenham lista de espera superior a seis meses”.

O Cartão Municipal Sénior, aprovado em reunião de câmara, tem em conta, segundo o presidente Luís Fernandes, uma faixa etária da população “que muitas vezes vive com grandes dificuldades económicas” e, por isso, “torna-se urgente tomar medidas que apoiem estas pessoas e melhorem as suas condições de vida”.

10 doenças perigosas que não apresentam qualquer sintoma
10 doenças perigosas que não apresentam qualquer sintoma
Ver artigo

O Cartão concede benefícios na utilização de bens e serviços públicos e privados e destina-se a “todos os cidadãos residentes pensionistas no concelho de Vinhais, com idade igual ou superior a 65 anos, ou inferior, se reformados por invalidez”.

Documento é emitido pela Câmara Municipal de Vinhais

O documento é emitido pela Câmara Municipal de Vinhais a título gratuito e é um título pessoal e intransmissível, não podendo ser utilizado por terceiros, o que implicará a anulação imediata dos seus benefícios.

Os beneficiários terão “vários tipos de descontos”, nomeadamente nas “taxas municipais, nos equipamentos desportivos, publicações do município, redução de 50% no pagamento de consumo de água, entre outros”.

Na área da saúde, além dos descontos nas consultas de especialidade no setor privado, o cartão contempla também uma “comparticipação de 50% na parte que cabe ao beneficiário na aquisição de medicamentos”.

Esta medida para os idosos foi aprovada “por unanimidade” em reunião de câmara e será ainda levada a votação da Assembleia Municipal.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.